sábado, 13 de agosto de 2011

Anestesia Geral

Numa roda de amigos – leitores do Blog – ontem (12.08), à noite e em meio a muitos comentários sobre recentes postagens, me pediram para antecipar o tema da semana. Ainda indeciso sobre o que abordar, recebi a difícil sugestão de repercutir a bombástica entrevista de Sandy, na revista Playboy (*). Foi uma gargalhada geral e em coro. Minha resposta foi negativa, na hora. Tá doido! Nessa seara não transito. Difícil, não é mesmo? Nem ela, mesma, soube como sair do disparate. O interessante é que a sugestão foi feita por um tarimbado jornalista pernambucano, com passagens, inclusive como dirigente, pelos mais importantes veículos do sul do país. Sugeriu e garantiu, de cátedra, que foi o assunto mais palpitante da semana. “O mais comentado, posso lhe garantir”. Fugindo da cilada, apressei-me em adiantar que o tema de hoje é sobre a apatia do povo brasileiro diante da corrupção que cresce em taxa geométrica. Até D. Dilma, inserida no sistema, se surpreende e vê-se obrigada a promover uma “faxina” em Brasília, correndo serio risco de ser derrubada. Na verdade não vou comentar a “vassourada” que a Presidente anda fazendo, porque isto os leitores ficam sabendo pela imprensa aberta. Ao invés disso, quero fazer coro com quem tem vergonha neste país e manifestar, humildemente, porém indignado, minha revolta diante dessa “anestesia geral” que grassa no povo brasileiro, diante de tanta bandalheira. A corrupção virou moda! E falo de moda em termos técnicos. Qualquer estatístico sabe do que estou falando.
Sinceramente, nunca ouvi falar de tanta roubalheira. Nos Transportes, na Agricultura e no Turismo e, se a coisa for aprofundada prá valer, leva a crer que não vai sobrar nem um dos antros da Esplanada dos Ministérios. Sem esquecer que a coisa não se resume à esfera federal. Tudo se repete nos Estados e Municípios, de forma rotineira, como se roubar fizesse parte da missão de governar. É impressionante como se rouba neste país.
Tenho lido muitas analises, com distintas óticas, e todas, de algum modo, induzem a uma cruel conclusão: somos portadores de um DNA defeituoso e maligno sobre todos os aspectos. De nada tem valido os esforços das pessoas idôneas – que existem, creiam – e que fazem junto à opinião publica, numa cruzada insana, um alerta para a inércia e conformismo deste varonil povo brasileiro. A sensação é de que se malha em ferro frio. A população está mesmo anestesiada. A roubalheira é diária e rotineira. O noticiário não causa mais impacto. Revolta, indignação ou o que o valha, nem se fala. O povo até ri da desgraça. Meu Deus! Que absurdo. Será que não vamos reagir?
Em recente artigo, outro amigo e companheiro rotariano – Alberto Bittencourt – lembrava que a coisa, infelizmente, começa no cidadão comum, quando tenta subornar um guarda de trânsito ou vice-versa, na famosa estratégia do “toco”, a furar filas, a estacionar em lugar proibido, a instituir o Caixa 2 na sua empresa, a se submeter à cobrança de propina nas repartições publicas, a não zelar pelo patrimônio publico, entre muitas outras formas espúrias e, o pior, corriqueiras. Desastroso é pensar que, numa cultura infame, somos todos tentados a fazer dessas barbaridades. Se fulano faz, por que não faço eu? Se os políticos roubam, por que eu não posso roubar, também? Esse o modelo social brasileiro. É daí que eu começo, mesmo, a concordar com a idéia do DNA defeituoso.
Fala-se muito em despertar as massas para um grande levante pró-moralidade, a exemplo dos caras pintadas que derrubaram Fernando Collor, mas, pelo que vejo, os clamores têm sido inócuos. Veja o vitorioso movimento popular da Ficha Limpa, que acendeu uma luz de esperança e, na prática, vem sendo driblado. Transformado em Lei, foi abortado na primeira ocasião e “empurrado com a barriga” pelo Tribunal Superior Eleitoral. Por incrível que pareça mesmo alertados para a sujeira dos candidatos os eleitores foram às urnas e votaram em muitos ladrões, depois empossados nos cargos. Tá tudo perdido...
É triste descobrir que o conceito de Lei, no Brasil de hoje, diverge do tradicional e correto, no mundo inteiro. Que decepção...
Acorda Brasil. Sai dessa anestesia geral. Sai dessa UTI e vem ver o mundo imoral do entorno.
Ah! Encerrando o papo de hoje, não posso deixar de recomendar que deixemos de enaltecer o flex hábito sexual da cantora Sandy e abramos os olhos para o caos político nacional.
(*) A cantora pop garantiu que "sexo anal dá prazer, sim. Por que não?"

NOTA: Ilustração obtida no Google Imagens.






11 comentários:

Dulce Diniz Nadruz disse...

Amigo Girley
Sempre digo que o Brasil hoje é uma unanimidade Nacional.Todo mundo concorda com tudo, está tudo ótimo.Como agente pode
discordar se o povo está melhorando ,isto é . comprando mais ,para atender aos interesses dos empresários, pouco importa se
estão se endividando.Claro que é importante o acesso dele aos bens de consumo.No entanto, no afã de comprar, as pessoas se
esquecem da ética, da educação do respeito.Paralelamente os corruptos aproveitando a anestesia geral deitam e rolam,porque
sabem que este é o país do jeitinho e da impunidade.Conheço pessoas ,até esclarecidas,que, qdo comento sôbre os roubos e
rombos nos Ministérios, vem me dizer que isto existe há muito tempo.A partir daí concluo que não há mais diálogo e mudo de as-
sunto para falar bobagens ou amenidades tolas, porque existem amenidades muito interessantes.Um abraço e prossiga na sua
cruzada.
Dulce

Angela Barreto disse...

É isso aí, Girley!!!
Com a era PT, que parece não mais acabar para a nossa VERGONHA AUMENTAR CADA VEZ QUE UMA BANDIDAGEM É DENUNCIADA PELA IMPRENSA, "SE GRITAR PEGA LADRÃO... NÃO FICA UM MEU IRMÃO".
Nunca a letra de um pagode coube tão bem para definir a ERA DA CORRUPÇÃO POLÍTICA BRASILEIRA, qual seja: A ERA PT!!!
TÔ COM PENINHA DA PRESIDENTA, PELA HERANÇA MALDITA HERDADA DO SEU ANTECESSOR.
Parabéns, pelas suas incontestáveis considerações, amigo Girley!!!
Lamentavelmente, o povo e os cofres brasileiros continuam sendo miseravelmente roubados.
Credo cruz!!! E os ladrões de gravata estão cada vez mais audaciosos e sem-vergonhas.
Ângela Barreto
Recife - PE

Samuel Valente disse...

ÂNGELA,
depois de ler Girley
e em seguida o seu comentário,
só tenho a dizer que concordo em tudo escrito,
mas a "anestesia geral", não é de hoje, não é da Era PT,
é lamentavel, mas isso percorre, praticamente, todos os momentos
da República, claro que existem alguns cidadãos decentes, como ele falou, eu citaria o Christóvão Buarque, que tive o privilégio de conhecer pessoalmente e trabalharmos na educação básica (ler e escrever) de crianças e adultos pobres (isto é uma outra história de minha juventude, na época da ditadura militar)...
Mas é uma minoria, e na verdade, o eleitor tem, e ao mesmo tempo não, responsabilidade na sua escolha,
haja visto que o Poder deteriora, e a maioria de candidatos presumidamente competentes e honestos, ao eleger-se, é consumida pelo acima citado Poder (político e econômico), formando-se novas quadrilhas e a bandaleira continuando...
Gosto muito de ler o Girley, e certamente ele não lembra, mas foi meu colega, de primário ou ginasial, e já era um garoto inteligente e educado, isto no Ginásio da Encruzilhada.
Beijos no seu coração
e fica com Deus,
sempre!
SAM

Angela Barreto disse...

OI, SAMUKA!!!

ADOREI RECEBER SEUS COMENTÁRIOS SOBRE O ARTIGO DO GIRLEY BRAZILEIRO. É POR AÍ, AMIGO!!!
CLARO QUE NÃO SOU RADICAL E QUE NÃO PODEMOS GENERALIZAR, MAS ACABEI DE OUVIR A DENÚNCIA DE FEIA CORRUPÇÃO NO MINISTÉRIO DA AGRICULTURA.
GENTE, O QUE É QUE ISSO, PELO AMOR DE DEUS?????
GOSTEI MUITO DE SABER QUE VOCÊ FOI COLEGA DO GIRLEY NO CURSO PRIMÁRIO OU GINASIAL E PEÇO PERMISSÃO PARA MANDAR O SEU COMENTÁRIO PARA ELE, CASO VOCÊ MESMO NÃO O QUEIRA FAZER.
VOU POSTAR ABAIXO O EMAIL DE GIRLEY, ASSIM COMO VOU SUGERIR QUE O ADICIONE PARA O FACEBOOK , ONDE ELE É MEU AMIGO TAMBÉM.
Girley Brazileiro(gbrazileiro@yahoo.com)
TRABALHEI NA SUDENE NA MESMA ÉPOCA QUE O GIRLEY, SÓ QUE EM DEPARTAMENTOS DIFERENTES.
SEMPRE FOI UM HOMEM MUITO EDUCADO E GENTIL. ALÉM DE INTELIGENTÍSSIMO É UM GRANDE ECONOMISTA. DOS MELHORES QUE JÁ CONHECI.
NÃO É ATOA QUE DIVULGO OS ARTIGOS DELE E FICO FELIZ DE SABER QUE TAMBÉM GOSTA DE RECEBÊ-LOS.
ENTÃO, FICA COMBINADO ASSIM: ESTOU MANDANDO ESTA RESPOSTA PRA VOCÊ, COM CÓPIA PARA O GIRLEY, PARA QUE ELE LEIA O SEU COMENTÁRIO.
ACREDITO QUE VAI LEMBRAR DE VOCÊ IMEDIATAMENTE.
ABRAÇÃO E UMA ÓTIMA NOITE!!!
ÂNGELA BARRETO

Jorge Jatobá disse...

De pleno acordo. É impressionante a passividade da sociedade e a ousadia e escrache de uma parcela do Congresso que transformou a instituição em casa de negociatas por cargos e dinheiro. Nõa perderam a vergonha porque nunca tiveram. Está demais.
abç
Jorge Jatobá

Danyelle Monteiro disse...

Boa madrugada professor Girley,
É sempre muito triste ter conhecimento de roubos na esfera pública, porque é o nosso dinheiro que está sendo usurpado por essas quadrilhas e o pior e que me deixa mais indignada, como nesse país quem mais paga imposto são os mais pobres, esses sim, são os mais roubados no final das contas. Chegar nos hospitais públicos e vê a situação dos menos favorecidos, ver as condições do ensino público cada vez pior, com cartilhas que ensinam o português errado... são coisas que me deixam triste mesmo.
Não há democracia nesse país, os direitos constitucionais são para quem tem dinheiro, parece que a gente vive num sistema de castas, com aquelas mesmas famílias no poder, decidindo o futuro de todos, mas sempre levando em consideração os próprios interesses e concordo com o Sr. quando diz está entranhado no DNA do brasileiro...
É muito difícil, para não dizer quase impossível, exercer a cidadania quando as regras do jogo protegem os corruptos; a gente pode até denunciar tudo o que estiver fora da lei ao Ministério Público, porém, há tanta coisa podre, que seu quadro funcional não daria conta de tanta roubalheira.
A culpa é nossa, se cada um tivesse uma missão pessoal de realizar um bom trabalho seja lá em que cargo ou empresa estivesse, pensando nos resultados e benefícios que pudessem derivar de suas ações, o Brasil seria outro, mas como cada um só pensa em si, em levar vantagem em tudo, as coisas estão assim... é um ABSURDO!!! Esse bando de ladrão ter a coragem de vir a público dizer que a presidente não está sabendo lidar com os partidos de base... traduzindo: ela não está liberando o que era de costume para esse bando de patifes e eles jogam isso na mídia como se fosse errado, como se ela estivesse errada... é muita cara de pau... o pior é chegar à conclusão que isso existe em todo tipo de instituição, pública e privada... mas são nas públicas, com falsas licitações, cheias de termos aditivos, com serviços cada vez mais de pior qualidade que a coisa toma proporções estratosféricas e insustentáveis, pois cada vez mais pagamos mais impostos e os serviços públicos em direção inversamente proporcional... hoje me pergunto se os defensores do anarquismo não têm razão?
Grande abraço,
Danyelle Monteiro

phcosta disse...

Girley,
Penso que há de ser elaborado um estudo sociológico que nos explique essa "anestesia", pois as divagações são muitas, mas carentes de base científica.
Vc delineia muito bem o tema, com a sabedoria e peculiar bom humor fino e sagaz. Lamento muito não haver um movimento sério, de pessoas imbuídas de ética e bom senso, como vc se revela, que pudessem apontar um caminho alternativo para seguirmos.
Nosso futuro é sombrio. Não veremos tão cedo esse pais nas mãos de gente séria. Não mesmo! Quem não entra nos “esquemas” logo se desgasta e cai.
Sonho que chegará o dia -- daqui a uns 50 anos, quem sabe? -- que as pessoas não se satisfarão com bolsas isso e aquilo, que nascerão lideranças genuínas, incorruptíveis, que não se entregarão ao sistema e morrerão por uma nação liberta.
É um sonho, sei disso, mas já que nada fazemos, o sonho nos acalenta para tocarmos a vida.
Um forte abraço,
Philipe Costa
RC Aldeia

Maria Cristina Henriques disse...

Girley
Postei seu texto na página da gente no FACEBOOK - Movimento Recall Brasil
Convide seu seleto grupo para a gente tocar o projeto de Cezar Liper - o direito de cassar = ao de votar
O processo por que passam os new brasileiros anestesiados vem de longe.O video está no meu perfil,de um ex-agente da KGB.
Tem razão você quando critica que se preocupam mais com a opção flex de Sandy do que com a situação hemorrágico-calamitosa de nossos impostos
Maria Cristina Henriques

Girley Brazileiro disse...

Meus Amigos e Amigas,
A postagem já havia sido concluida, quando depaarei-me com a chegada da minha VEJA da semana. Vocês atentaram para a reportagem de Capa? O Minsitro Rossi, da Agricultura acusado de roubos escandalosos...
Mas, recebi, em seguida, um interessante email reproduzindo um comentário do correspondente do Jornal El País (da Espanha), no Brasil, Juan Arias, fazendo o seguinte comentário: "Que país é este que junta milhões numa marcha gay, outros milhões numa marcha evangélica, muitas centenas numa marcha a favor da maconha, mas que não se mobiliza contra a corrupção". Isto foi publicado em Madrid! Que vergonha!

Amanda Iab disse...

Perfeito o texto do Girley, Maria Cristina. Tirando as preferências sexuais da Sandy, o "diagnóstico" é este mesmo, o povo brasileiro não tem consciência de cidadania. Os 10 Compromissos do Cidadão Atuante
Amanda Iab

Tereza Braga disse...

Girley, você fala em anestesia geral. Concordo, mas é necessário ampliar o foco de visão: veja esse código Florestal, cujo relator é um Senador do PC do B(???!!) que simplesmente, reduz as áreas de preservação e conservação da natureza. Acredito que vc deve ter lido uma matéria do DP de hoje, sobre um condomínio de luxo ás margens do rio são Francisco, em Petrolina. É mjuito cara de pau de gente que até anteontem(para usar uma metárfora) era perseguido, isso e aquilo e agora, favorece esses gananciosos que pensam que podem tudo.Seria bom saber sua opinião sobre esse Código, que me cheira a mais um golpe contra o que temos de patrimônio natural, sejam florestas, sejam, recursos hídricos, e suas faunas respectivas.
É preciso esclarecer tudo isso e o jogo de interesses nessa chamada contradição de forças.
Abraço
Teresa Braga.